Cidadão do Povo
Mauricio Dias


Um homem de meia idade entrou em uma loja de móveis planejados em Brumado, sudoeste da Bahia, e fingiu ser cliente antes de anunciar o assalto nesta segunda-feira (20). Além de levar todo o dinheiro do caixa, ele roubou celulares, um aparelho notebook da loja e uma bolsa com os documentos pessoais das atendentes. Antes de fugir, o bandido exigiu que as mulheres tirassem as roupas, as ameaçou e desferiu dois tapas no rosto de uma delas.

Antes de deixar o estabelecimento comercial, o assaltante ainda tirou o boné, olhou fixamente para a outra atendente e fez ameaças. “Olha bem pro meu rosto, já matei dois e posso matar mais”, teria dito o criminoso, segundo relato das vítimas, que ficaram em estado de choque. A polícia esteve no local e com as imagens do circuito de segurança tentará identificar o elemento, que fugiu sem deixar pistas. Informações do Brumado Notícias - Foto: Lay Amorim/Reprodução

Bandidos fazem “nado sincronizado” com fuzis na vila olímpica

Na Vila Olímpica Félix Mielli Venerando, em Honório Gurgel, quando a população não está usando as instalações para o lazer e a prática de esportes, o tráfico toma conta. E ainda registra a ousadia para postar nas redes sociais. Uma imagem, que faz parte de uma investigação da 39ª DP (Pavuna), mostra bandidos submersos ostentando três fuzis dentro da piscina da vila olímpica — inaugurada em 2012 para formar talentos para os Jogos de 2016. De acordo com agentes da distrital, os traficantes que aparecem na foto — feita há uma semana — são oriundos do Complexo da Pedreira e invadiram a Proença Rosa há duas semanas.

A Secretaria municipal de Esportes e Lazer, responsável pelas vilas olímpicas da cidade, confirma que o local foi invadido por bandidos. Entretanto, segundo nota enviada pelo órgão, “no momento da invasão, a vila se encontrava fechada e sem ninguém”. A secretaria também alega que “as atividades foram normalizadas, e já houve reforço na segurança do local”.

‘Adorei a piscina’

A piscina da vila olímpica também é citada num áudio investigado pela 39ª DP. Na gravação, feita após a tomada da Proença Rosa, um homem, que se identifica como Celso Pinheiro Pimenta, o Playboy, chefe do tráfico da Pedreira, provoca a facção rival.

“Adorei a piscina, esculachou. Mó complexão, tá tudo dominado”, diz.

Os agentes já têm uma prova de que a voz é de Playboy. Alan Souza de Lima, de 20 anos, preso na favela, afirmou, em depoimento, que é integrante da facção de Playboy e que reconhece a voz do bandido. No áudio, o homem diz que vai tomar a favela Jorge Turco, em Rocha Miranda. Jornal Extra - Foto: Reprodução

Um homem identificado como Renildo Pereira Meneses foi encontrado morto em sua casa no bairro Jacobina III. A informação inicial é que, supostamente, ele tenha cometido suicídio. O corpo foi encaminhado ao DPT de Jacobina para realização de necropsia. Bahia Acontece - Foto: Emerson Rocha

Policiais Militares da 24 CIPM realizaram a prisão de um homem acusado de ter matado a ex companheiro na Grande São Paulo. Segundo consta, Nivaldo Ribeiro de Oliveira, 22 anos , foi preso no povoado de Vila Formosa em Caldeirão Grande, após uma denúncia anônima.  Nivaldo tinha um mandado de prisão em seu desfavor por ter matado a companheira estrangulada na frente do filho de 9 anos, em Parelheiros, extremo sul de Paulista. A vítima foi a a auxiliar de limpeza Graziele Ferreira da Silva. Segundo a Polícia Paulistana, a jovem foi morta por Nivaldo porque não aceitava reatar o relacionamento que teve com o ajudante de pedreiro.  A jovem era ameaçava constantemente até que Nivaldo a matou estrangulada em agosto deste ano, na frente do filho da vítima, de 9 anos, fruto de um relacionamento anterior.

Segundo a polícia, há indícios de que Graziele foi enforcada na sala de sua casa com o fio da antena. Depois, seu corpo foi arrastado até um matagal próximo. O filho de nove anos de Graziele foi quem  encontrou o corpo e pediu ajuda . Após o crime Nivaldo fugiu de São Paulo para a zona rural de Caldeirão Grande, onde estava escondido na casa da avó. Ainda segundo a Polícia , o auxiliar geral já havia sido preso por tráfico de drogas em São Paulo e estava na prisão até bem pouco tempo antes de cometer o crime. O caso foi inclusive matéria do programa Cidade Alerta, da Rede Record, apresentado por Marcelo Resende. Segundo a Polícia, Nivaldo foi encaminhado para a DP de Caldeirão Grande e deverá ser recambiado para São Paulo em breve, local onde aconteceu o crime. Bahia Acontece

Os números são alarmantes. De acordo com dados da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP), de janeiro a junho deste ano, 785 estupros foram registrados na Bahia, o que representa uma média de 4,23 casos por dia.

Mais da metade das ocorrências, 465, foram registradas em cidades do interior da Bahia. Salvador marcou 239 casos e a região metropolitana, 81. As vítimas geralmente são jovens mulheres, crianças e adolescentes. A violência pode ser realizada por um ou mais indivíduos.

Dos 239 casos em Salvador, 97 ocorreram na Região Integrada de Segurança Pública/Baía de Todos-os-Santos (RISP/BTS), composta pelos bairros Liberdade, Barris, Bonfim, São Caetano, Periperi e Cia. Já no interior do estado, os números são assustadores, principalmente, em relação a Vitória da Conquista.

A cidade com aproximadamente 340 mil habitantes, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), é recordista de violência sexual. De acordo com dados divulgados no site da SSP, dos 465 casos do interior, 87 ocorreram em Vitória da Conquista, o que representa uma média de 14,3 ocorrências por mês. Tribuna

Morreu na tarde deste domingo, 19, o comerciante Manoel Carlos Santana, de 61 anos, que teve 99% do corpo queimado por assaltantes. O crime aconteceu na tarde deste sábado, 18, quando os acusados roubaram o restaurante da vítima, localizado no município de Feira de Santana, a 109 km de Salvador. Manoel estava internado em estado grave no Hospital Geral Clériston Andrade e não resistiu aos ferimentos.

De acordo com testemunhas, um homem conhecido como Júnior chegou ao local por volta de 16h. O comerciante teve os pés e as mãos amarrados enquanto os criminosos ateavam fogo ao seu corpo. Ele ainda conseguiu sair do estabelecimento e pedir a ajuda de pessoas que passavam pelo local, que conseguiram conter as chamas. O restaurante da vítima foi destruído pelo fogo e teve toda a mercadoria perdida. A polícia ainda não sabe o valor da quantia roubada. As informações são do site Acorda Cidade - Foto: Arquivo Pessoal

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta segunda-feira, 20, uma operação para desarticular uma quadrilha especializada em fraudes em licitações de órgãos públicos federais. Foram expedidos seis mandados de prisão temporária e 14 de busca e apreensão.

Segundo investigações da PF, dois homens chefiavam o esquema que fazia simulações para combinar e aumentar valores oferecidos em certames licitatórios para garantir a vitória nas empresas  do grupo. Onze empresas fraudulentas foram identificadas e o prejuízo apurado passa de R$ 2 milhões ao longo de três anos, entre 2010 e 2013. 

A polícia afirma que os órgãos federais como a Delegacia Regional do Trabalho, Fundação Nacional de Saúde, Delegacia da Receita Federal de Julgamento em Salvador, Delegacia da Receita Federal em Feira de Santana, Marinha do Brasil e Anatel foram alvos da fraude. Os envolvidos responderão por falsidade documental, fraudes a licitações e formação de quadrilha. A prisão temporária tem duração de cinco dias, prorrogáveis por mais cinco, se necessário. A Tarde - Foto: Divulgação

O vigilante Tiago Henrique Gomes da Rocha, de 26 anos, apontado como o autor de 39 mortes em Goiânia, disse aos policiais na madrugada desta segunda-feira (20) que “está com vontade de matar”, segundo revelou o delegado Eduardo Prado. O jovem segue preso, sozinho, em uma cela da Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (Denarc).

“Ele perguntou para os agentes [que] se  matar algum indivíduo dentro do presídio [se] ele responderá criminalmente por isso. Muito estranha a atitude e as conversas desconexas que ele vem falando”, diz Prado.

Durante a madrugada, Tiago leu 40 revistas, fato que chamou a atenção da polícia. “Outra coisa curiosa é que ele lê de trás para frente de forma rápida, como se fosse dinâmica, lendo de forma alta”, pontua o delegado. Prado disse ainda que o motociclista pediu bebida alcoólica na cela, mas que não foi atendido.

Conforme o delegado, Tiago precisa de ser monitorado a todo momento. “A nossa preocupação é com a observação constante dele na cela. Ele não tem amor próprio, já tentou suicídio. Constantemente, quando eu estou na sala, ele pede para levar fio dental para ele. [Na] Hora que pergunta se é para suicidar ele dá uma risada sarcástica”, relata Prado.

O delegado alerta que, quando o suspeito for encaminhado a uma penitenciária, ele precisará de atenção redobrada. “Com certeza, quando encaminharmos ao presídio, a direção do sistema prisional irá ficar atenta a essa situação para ter um controle mais metódico da situação em relação a esse indivíduo, que é realmente de alta periculosidade”, afirmou. Ainda não há previsão da transferência do vigilante, segundo a polícia. globo.com

Por volta das 13h00, deste sábado, 18 de outubro, a Polícia Militar foi informada sobre um homicídio, ocorrido na Rua Nossa Senhora da D'Juda, no Bairro Bom Jesus, próximo à DEAM. Chegando ao local, os militares verificaram que a vítima havia sido socorrida por familiares, no próprio carro, um Celta de cor prata, ao Hospital Municipal. 
 
Trata-se de Tállice Bruno Camargo, que nesta segunda feira (20), completaria 25 anos de idade. Tállice é bacharel em Direito e já trabalhou no Fórum de Teixeira de Freitas. Segundo informações, ele estava chegando em casa, quando foi abordado por um motoqueiro, a bordo de uma motocicleta preta, Honda CB 300, usando uma camisa branca.
 
Tállice levou três tiros e foi socorrido ao hospital, vindo a óbito. Uma equipe do SILC, liderada pelo delegado titular, Dr. Kleber Gonçalves, esteve no local e está investigando o caso. O corpo foi removido ao IML para exames de praxe e em seguida liberado aos familiares para velório e sepulto. Fonte: Liberdade News

Uma mulher do Cazaquistão nocauteou um homem que pediu sexo a ela ao sair de uma casa noturna. Kondrat Golubev, de 32 anos foi levado a um hospital próximo e de acordo com médicos, teve concussão além de ter a região pélvica pisada pela mulher.  De acordo com o "Mirror", Kondrat teria confundido a mulher, que estava acompanhada de uma amiga, com prostituta. Ao se aproximar das duas, ele perguntou quanto cobravam. Um porta-voz da polícia local comentou: "Assistimos ao vídeo e acreditam que a mulher que deu o soco tenha treinamento em artes marciais".

Assista o vídeo:

Imagens: Youtube

Paulo Rogério Bezerra, de 32 anos, natural de Trindade-PE, morreu ao bater sua moto contra uma caminhonete L-200 na manhã deste sábado, 18, por volta das 9h20, na BR-020, Rio de Pedras, há um quilômetro e meio de Luís Eduardo Magalhães.

Segundo informações de populares, o motociclista ficou desacordado após o acidente. O SAMU foi acionado, prestou os primeiros socorros e conduziu a vítima para UPA, mas não foi possível salvar sua vida. Paulo usava um crachá do curso de Gastronomia e Cultura do Oeste.Ainda segundo informações, o condutor da caminhonete não se feriu. A Polícia Militar esteve no local e fez controle do trânsito.

Ainda de acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Paulo estava em um bar em um lado da pista e tentava atravessar até o outro lado na rodovia quando foi atingido pela caminhonete, modelo L200. Fonte: Fala Barreiras - Foto: Reprodução

Seis homens fortemente armados invadiram a empresa Mirabela Mineração do Brasil, localizada na cidade de Itagibá, no interior baiano, e explodiram seus caixas eletrônicos por volta das duas horas da madrugada deste sábado (18). Segundo informações do site Giro em Ipiaú, os bandidos, que estavam encapuzados, renderam a segurança na portaria e depois fizeram alguns funcionários de reféns.

Com o impacto da detonação, parte da estrutura do refeitório ficou destruída. Os criminosos fugiram levando o dinheiro dos caixas do banco Bradesco e três funcionários da Mirabela, que foram liberados pouco depois no Trevo da BR-330, fugindo na sequência em uma pick-up em direção a cidade de Barra do Rocha. O valor roubado pelos assaltantes não foi divulgado. Foto/Reprodução: Gito em Ipiaú

O vigilante Tiago Henrique Gomes da Rocha, de 26 anos, apontado como o autor de 39 mortes em Goiânia, disse que gostaria de pedir desculpas à mãe dele e às famílias das vítimas pelos crimes que cometeu. Em entrevista na tarde desta sexta-feira (17), ele não respondeu se acredita ser doente mental, mas falou em "arrependimento" e afirmou querer um tratamento médico para se livrar do que ele define como "sentimento de raiva".

“Eu queria pedir perdão pelo que fiz. Acho que agora não adianta mais, mas gostaria de ter a chance de ser ajudado de alguma forma”, declarou, na sala de investigação da Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (Denarc), onde está preso. De acordo com o delegado titular da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), Murilo Polati, uma avaliação psicológica do suspeito está prevista para a próxima segunda-feira (20).

O jovem contou que se desculpou com a mãe durante uma conversa que teve com ela logo após ser preso, na última terça-feira (14). Porém, ao ser questionado sobre detalhes do que teria dito e o que ela respondeu, Tiago se mantém calado, balançando a cabeça negativamente. Durante a entrevista, o suspeito revelou que tinha um sentimento incontrolável que o levava a cometer os homicídios. “Não dá para explicar, era uma raiva muito grande”, afirmou.

De acordo com o defensor do vigilante, Thiago Húascar, seu cliente comentou que sofreu abusos sexuais durante a infância. O autor seria um vizinho. Além disso, o suspeito também afirma ter sofrido bullying na escola. Essas recordações trariam o sentimento de raiva a ele, motivando seus crimes.

Segundo os delegados que interrogaram o vigilante, Tiago tinha o costume de assistir aos noticiários no dia seguinte aos seus crimes, para ter certeza se a vítima tinha morrido e qual o nome da pessoa. No entanto, ele diz que sentia remorso ao ver as reportagens. “Feliz não. Era um sentimento de arrependimento”. G1 - Foto: Reprodução

Peritos federais decidiram paralisar suas atividades por 72 horas a partir da próxima quarta-feira em protesto contra medida provisória que prevê a ocupação de cargo de diretor-geral da Polícia Federal apenas por delegados. A medida provisória 657 foi editada na terça-feira pela presidente Dilma Rousseff em meio a um intenso debate entre delegados, peritos, escrivães e papiloscopistas sobre atribuições e poderes de cada uma das categorias dentro da Polícia Federal. Para os peritos, a decisão do governo reforça poderes dos delegados e enfraquece os demais segmentos.

"A citada medida provisória parece ter sido resultado de ações pouco republicanas por parte de entidades corporativas de delegados de polícia que, valendo-se do período eleitoral e de instrumentos de pressão no mínimo duvidosos, induziram a grave erro o governo", diz nota divulgada pela Associação Nacional dos Peritos Federais Criminais (APFC) no início da tarde. Logo depois, numa assembleia virtual, os peritos decidiram deflagrar uma onda de protestos com a medida provisória. A ideia é fazer manifestações pelo país na terça-feira e suspender os trabalhos de quarta à sexta-feira.

Segundo André Morrisson, um dos diretores da APCF, o governo cometeu um erro ao editar uma medida provisória sobre um assunto tão sensível para os policiais em meio a discussões sobre a modernização da Polícia Federal. Ele alega que os debates começaram há três meses e não havia motivo plausível para uma decisão tão rápida. O sindicalista diz ainda que a medida provisória abre caminho para, no futuro, o Instituto Nacional de Criminalística (INC) ser entregue ao comando de um delegado. Hoje a instituição, que reúne os peritos da PF, é dirigida por um perito. O Globo - Foto: Divulgação

Um grupo de moradores de Muquém do São Francisco, a cerca de 700 km de Salvador, invadiram a Câmara de Vereadores da cidade, interrompendo uma sessão. Segundo a Polícia Militar da cidade, o clima ficou tenso e alguns vereadores chegaram a se esconder nos fundos do prédio com medo. Apesar da tensão, o caso não chegou a ser registrado na delegacia local e não houve agressões.

Alguns manifestantes, que seriam em sua maioria professores, chegaram antes da sessão. Eles exigiam a votação de uma suplementação de verbas para a prefeitura, que segundo eles estaria sendo travada como chantagem política.

Diante da recusa, um grupo invadiu o local e começou a derrubar e até quebrar mesas e cadeiras, bebedouros e até portas de vidro. A PM foi chamada para conter o protesto e chegou a usar spray de pimenta nos manifestantes. Correio - Foto: Reprodução/Sigi Vilares

Um acidente entre uma carreta, um caminhão baú e um carro deixou quatro pessoas mortas e uma ferida na BR-407, trecho da cidade de Filadélfia, na tarde desta sexta-feira (17). Um veículo, modelo Corsa, que levava um homem, sua mulher e duas crianças, tentou ultrapassar um caminhão, mas antes de desistir da ação, o motorista perdeu o controle do carro, batendo em uma carreta que vinha na direção oposta e no caminhão que tentou ultrapassar.

O motorista do carro e as duas crianças morreram na hora, assim como o motorista do caminhão, que tombou e caiu dentro de um lago. A mãe das crianças ficou ferida e foi levada a uma unidade de saúde na cidade de Senhor do Bonfim. Não foi informado seu estado de saúde. O acidente fez com que a Polícia Rodoviária Federal (PRF) interditasse as pistas nos dois sentidos, ficando fechadas durante o período da remoção dos veículos. iBahia - Foto: Giovana Nascimento/Facebook

Um homem foi condenado nesta sexta-feira na Flórida à prisão perpétua sem direito à liberdade condicional por matar a tiros um adolescente que ouvia música alta. O crime ocorreu em novembro de 2012, em Jacksonville.

O juiz Rusell Healey anunciou a sentença de Michael Dunn, de 47 anos, depois que a promotoria desistiu de pedir a pena de morte. Segundo a acusação, Dunn, que é branco, discutiu com quatro adolescentes negros que ouviam música alta em uma caminhonete. Dunn, então, disparou dez vezes contra o carro, matando Jordan Davis, de 17 anos. "Sua vida efetivamente terminou", disse o juiz ao condenado. "O triste é que este caso mostra como nossa sociedade está desencaminhada", completou.

Pais da vítima reagem após sentença ser anunciada

Em setembro, Dunn foi considerado culpado de homicídio premeditado em um segundo julgamento. Ele alegou legítima defesa, dizendo ter visto algo que parecia ser uma arma dentro do carro dos jovens e que continuou a disparar contra o veículo que fugia para garantir que seus ocupantes não responderiam ao fogo.

Nesta sexta-feira, ele pediu desculpas aos pais do jovem, que choraram no tribunal. "Quero que os pais de Davis saibam que lamento o ocorrido. Se pudesse fazer o tempo voltar e mudar os fatos, o faria.", disse. Yahoo Notícias - Foto: AFP

Neste final da tarde de sexta-feira, 16, por volta das 17h, um trabalhador braçal morreu soterrado quando retirava areia na região do povoado de Pontilhão de Canavieiras, área rural e periférica de Jacobina. Informações preliminares dão conta que o rapaz, conhecido apenas por Joãozinho da "Areia", de aproximadamente 35 anos, estava retirando o material, usado na construção civil, quando ocorreu grande deslizamento de terra, provocando o soterramento da vítima.

O local é usado de forma ilegal para extração desse tipo de material e invariavelmente há prisões e apreensões realizadas pela secretaria municipal de meio ambiente e guarda municipal. Até por volta das 17h30 os peritos do DPT estavam no local, bem como o corpo da vítima, que deverá ser removido para o IML.  Foto/Reprodução: Bahia Acontece

Macaco (dir.) foi detido na companhia de Wellington, o Bico, em Salvador

Parece que Marcelo Alexandre Nascimento de Jesus, 32 anos, o Macaco, sentiu saudades do período em que ficou detido no Complexo Presidiário da Mata Escura. Vinte e quatro horas após deixar o local, ele voltou para trás das grades, na tarde desta quinta-feira, 16. Macaco  havia ficado  15 dias preso, por suspeita de tráfico de drogas. Ele e o comparsa, Wellington dos Santos Almeida, 30, o Bico, foram detidos  por policiais da 50ª CIPM (Sete de Abril), em uma residência, na localidade conhecida como Portelinha,  em Pau da Lima.

Com eles, foram apreendidos 14 quilos de maconha, 250 gramas de cocaína, uma pistola calibre 380, dois carregadores de pistola calibre 9 milímetros e material para ser usado na embalagem das drogas. Eles foram levados ao Departamento de Homicídios (DHPP). Conforme o soldado Adelson, a guarnição recebeu a informação de que a dupla havia recebido um carregamento de drogas e que tinha entrado na mata.

Leia mais...

Uma operação de combate ao esquema de adulteração de combustíveis cumpre oito mandados de prisão em três cidades do interior da Bahia, na manhã desta sexta-feira (17). Os alvos da investigação estão nos municípios de Feira de Santana, Amélia Rodrigues e Conceição de Jacuípe. Além dos oito suspeitos, a Operação Mutação também irá cumprir nove mandados de busca e apreensão.

Eles são acusados de adulterar o teor de combustíveis em larga escala, na cidade de Amélia Rodrigues. Durante a investigação, que durou três anos, a polícia identificou que parte da carga de 200 caminhões-tanque que transitavam pelo município era desviada para pontos conhecidos como bodes. 

Lá, homens conhecidos como bodeiros rompiam o lacre dos caminhões, roubaram a carga e depois adicionavam solventes. O combustível adulterado fosse vendido em postos revendedores na região de Feira de Santana. O esquema também emitia notas fiscais falsas para legalizar a comercialização do produto adulterado, o que também configura o crime de sonegação fiscal.

Policiais civis e militares também são acusados de envolvimento no caso. Durante a investigação, ligações entre os envolvidos foram interceptadas. Nelas, os policiais aceitariam fornecer proteção ao esquema criminoso em troca de propina.

Participam da operação Mutação o Grupo de Atuação Especial de Combate à Sonegação Fiscal e aos Crimes contra a Ordem Tributária (Gaesf), Grupo de Atuação de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), Promotoria Regional Especializada no Combate à Sonegação Fiscal de Feira de Santana e a Promotoria de Justiça de Amélia Rodrigues.

Eles são apoiados pelo Núcleo de Inteligência Criminal (NIC), pelo Ministério Público estadual, Polícia Rodoviária Federal (PRF), Superintendência de Inteligência (SI), da Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP). A Agência Nacional do Petróleo (ANP), a Inspetoria Fazendária de Investigação e Pesquisa (Infip) e a Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz) também participam das prisões. A operação envolve um contingente de oito promotores de Justiça do MP, mais de 150 policiais, 44 viaturas, um helicóptero da PRF, um caminhão-guincho e um caminhão-tanque. globo.com 

Cafe beira rio
Abreu